Como ser mais sustentável, no Porto (ou em qualquer outra cidade do mundo)

Home/Como ser mais sustentável, no Porto (ou em qualquer outra cidade do mundo)

Como ser mais sustentável, no Porto (ou em qualquer outra cidade do mundo)

Como ser mais sustentável nos nossos hábitos diários está na ordem do dia e a verdade é que o Planeta já está a gritar para que se mudem ações.
Não há Planeta B, e se,  por um lado, mudar hábitos enraizados durante muito tempo numa sociedade não é de todo fácil, a verdade é que se não começarmos por algum lado, as consequências serão fatais.
Todos os pequenos gestos contam, e podemos começar a alterá-los agora.
No Porto, ou em qualquer parte do mundo.

Vamos a isso? 

How to be sustainable in our daily habits is the topic of the moment and the truth is that the Planet is already shouting for us to change something.
There is no Planet B, and, if for one side, changing long living habits in the society is not easy, on the other side, if we do not start somewhere, consequences will be fatal.
All small actions count, and we can start now!
In Porto, or in any part of the world.

Let’s do it?

Como Ser Mais Sustentável

PT
Dicas que não pretendem ser novidade, mas quanto mais vezes as ouvirmos ou lermos, talvez as comecemos a interiorizar e a adoptar.
É um post inspirational e de motivação.
Vamos lá? 🙂 

EN
Tips that are not new, but the more we listen or read them, maybe the more we get them and start adopting them.
It’s an inspirational post.
Let’s do it? 🙂  

Como ser mais sustentável no Porto
(ou em qualquer outra cidade do mundo)
algumas ideias

I – Sempre que possível, aderir aos transportes públicos | andar a pé | andar de bicicleta.
Ou seja, deixe o carro em casa ou use-o só quando não tiver alternativa.


O Porto tem uma excelente rede de Metro que já cobre grande parte da cidade, e da qual pode usufruir com o cartão andante.
Não direi tão bem da rede de autocarros STCP por esta depender bastante do trânsito da cidade, mas nos casos em que consiga fugir às horas de ponta, a STCP é também uma opção viável.
Se a distância for pequena – por que não ir a pé?
Ou então – use a bicicleta – no Porto já vai havendo algumas ciclovias – mas tenha sempre muito cuidado, pois ainda não somos uma cidade totalmente bikefriendly….Recomendo o uso de capacete.

Curiosidade: Pode transportar a sua bicicleta na última carruagem do metro ou nas carruagens do comboio.
(Muitas vezes é isso que faço, quando não tenho tempo ou vontade de pedalar de Matosinhos até à Baixa, por exemplo)


II – Compre local:

faça as suas compras no comércio local, evitando as grandes cadeias de supermercados e escolha de preferência produtos de produção biológica, e produtos da época.
Vá aos mercadinhos biológicos, e no Porto já tem várias opções, como por exemplo:

  • Mercado Biológico do Núcleo Rural do Parque da Cidade (sábados de manhã)
  • Feirinha Biológica no Parque Basílio Teles (Matosinhos) (sábados de manhã)
  • Mercadinho Biológico do Quintal Bioshop
  • O Berdinho – sábados no Centro Comercial Bombarda

Ou encomende cabazes Bio com entrega em casa,
por exemplo da Bio Habitus ou da Prove.

III – Diga NÃO ao plástico:

aproveite para voltar a velhos hábitos:

– use um saco de pano para o pão
– usar um saco próprio para as compras de mercearia (tenha-o sempre consigo na carteira)
– use frascos de vidro para compras a granel
diga Não quando lhe embalarem a fruta ou os legumes, ou o pão, ou outros produtos quando isso é totalmente desneceássrio
– diga Não às garrafas de água de plástico; compre uma transportável para andar sempre consigo.
compre a Granel sempre que possível – assim compra as quantidades que deseja sem ter desperdício
– diga Não às palhinhas de plástico e às cotonetes  – são objetos que não são recicláveis.
– diga Não às colherzinhas de plástico que vêm com o café.
– Adira às escovas de dentes em bambu. (já há marcas óptimas!)

IV – Recicle e Reuse sempre que puder

No Porto o sistema de reciclagem está dividido pelos ecopontos – verde para vidros, amarelo para embalagens, azul para cartão e papéis.
Há também locais destinados a recolher produtos eletrónicos (informe-se na sua autarquia) e depósitos próprios para rolhas.

V – Diga Não a Impulsos desnecessários de compra de roupa –
para quê tanta roupa nova??? 🙂 Reduza o consumo!

A roupa que já não se usa pode ser Doada ou vendida em sites ou feiras de roupa em 2.ª mão. (exemplo FleaMarket ou Feira da Vandôma)

VI – Pense em produzir menos lixo – #Lixo Zero (É difícil, mas TENTE!!)

Comece pela sua própria casa; se tiver jardim pode experimentar a compostagem.
depois, passe para os espaços públicos – se vir na praia objetos de plástico atirados, apanhe e despeje no contentor adequado.

VII – Evite os alimentos processados e muito industrializados

Aqui, contribuirá também para a sua própria saúde.
Por exemplo, experimente novas receitas de faça você mesmo, exemplo – bolachas, granola, etc-  depois pode transportá-las em recipientes próprios.

VIII – Comece a usar cosmética natural….,

ou pelo menos, tenha em conta os ingredientes dos produtos que compra.
Quase todas as grandes marcas de cosméticas estão recheadas de produtos químicos e ameaçadores do planeta….

Eu sei, eu sei,

não é fácil mudar alguns hábitos muito enraizados, mas todo o mais pequeno acto que possa fazer, já é um grande passo.
Experimente! 🙂
eu tenho avançado aos pouquinhos…

****

Alguns sites portugueses úteis para uma vida sustentável   /Useful portuguese sites for sustainable lifestyle

como ser mais mais sustentável, usando determinados produtos e deixando de usar outros:

www.pegada-verde.pt
www.simbiótico.eco

mãe natureza.pt

LixoZero Portugal

Blogs De Inspiração
Como Ser Mais Sustentável e Produzir menos Lixo:

Ana Go Slowly
Mind the trash

Livro de inspiração / Inspiration Book:
Zero Waste Home – Bea Johnsson

Some tips for a more Sustainable Life

I – Use Public Transports, leaving the car home always when possible. You can also consider walking or riding a bike 🙂

Porto has a good Metro chain, serving almost all the city.
Buses are not that good as they depend on the traffic, but if you do not take them at rush hours, they are ok.
If you take the bike – be careful. Port has already some bicycle ways, but it is still not a totally bike friendly city. Use a helmet.

Curiosity: You can take your bike on the last metro carriage, or in trains.
That’s what I normally do when I am running out of time or do not want to cycle from Matosinhos to the center of the city.


II – Buy Local: get your groceries at a local grocery shop, if possible organic, and products from the season.
Go to Local Organic Markets like:

  • Organic Market at Núcleo Rural do Parque da Cidade (saturday mornings)
  • Organic Market at Parque Basílio Teles (Matosinhos) (saturado mornings)
  • Organic Market at Quintal Bioshop
  • O Berdinho – saturadas at Centro Comercial Bombarda

Or order Organic fruits and vegetables to be delivered home:
for example Bio Habitus or Prove.
III – Have the courage to Say No:
plastic is a danger, and it is already spread in the oceans and a giant threat to the planet – go back to some old habits:
– use a cloth bag for the bread
– use a proper bag for the groceries
say NO to fruit and vegetable packaging, bread or other products
– say No to plastic water bottles; buy one that you can always carry with you
buy Bulk whenever possible –
– say No to plastic straws  – they are non recicable
– say No to plastic spoons for the coffee.
– Buy a Bamboo toothbrush.

IV – Recycle and Reuse whenever possible.
V – Say No to unnecessary Impulses of buying new clothes – so many dresses for what???
The clothes you do not want you can donate or sell at second hand sites or fairs. (Flea Market or Vandoma Fair)
VI – Think : less waste production – #zerowaste , start by your own home, and then in public places, whenever you see plastic waste on the sand, take it to the recycle spot.

VII – Avoid processed food. Try new recipes and do it yourself at home – cookies, or granola, for example. Then carry them in your proper recipient.
VIII – Try natural cosmetic products….

I know, I know…
it is not easy to change our grounded habits, but every single act you can do, it is a step!

Try it!

Como Ser mais Sustentável

Como ser mais sustentável no Porto | How to be sustainable in Porto

Tome Nota Deste Evento| Note in your agenda This Event

Evento Cidade +

um evento à volta do tema Como Ser mais sustentável  | an event about sustainability in Porto
5 a 7 de Julho 2019
Jardins do Palácio de Cristal

Informe-se! | get the Info.

Jardins do Palácio de Cristal

Onde comprar a granel no Porto? / Where to buy bulk in Porto?

PT
Comprar a Granel é voltar a uma tradição antiga, e que o Planeta agradece.
É sem dúvida uma das excelentes formas para como ser mais sustentável, pois se usarmos os nossos recipientes próprios e que não sejam de plástico, estamos a reduzir um grande desperdício e embalagens desnecessárias.

EN
Buying Bulk is going back to an ancient tradition, which the planet will thank us.
It is without doubt one of the excellent ways of being more sustainable, if we can use our own recipients that are not plastic, and so we are avoiding waste and unnecessary packaging.

como ser mais sustentável no Porto – comprar a granel | some ideas to live in a sustainable way in Porto – buy bulk

Prepare o seu saco de pano ou uns frascos de vidro próprios, e uma cesta grande antes de ir às compras 🙂
os sites que referi em cima têm vários produtos úteis à venda!
/ Prepare your cloth bag and some glass jars for the bulk, and a big basket before you go shopping 🙂
the sites I referred to above have a lot of useful products to sell.

Algumas Lojas no Porto para comprar a Granel / Some Shops in Porto for Bulk

I – Raw – Comida & Granel  (featured on the blog, just changed location…)

II – Casa Chinesa (featured on the blog)

III – Maçaroca – Mercearia Viva (featured on the blog)

IV – Bio Mercado (featured on the blog)

V – Bio & Natural (featured on the blog)

VI – Funky Bio 

VII – Go Natural 

VIII – Grão de Bio (featured on the blog)

IX – Lojas Celeiro |shops

X – Bio & Natural El Corte Inglês

XI – Local Markets / Organic Markets

***
espero ter sido útil 🙂
I hope this was useful for you 

By | 2019-04-23T19:06:39+00:00 April 23rd, 2019|lifestyle & people|0 Comments

Leave A Comment