Monday Vegetarian Recipes #9

Home/Monday Vegetarian Recipes #9

Monday Vegetarian Recipes #9

PT

hoje não é segunda-feira, mas há Monday Vegetarian Recipes na mesma – vem um dia atrasado, mas sempre a tempo, desde que seja para partilhar receitas e estilos de vida saudáveis. e mesmo a calhar a seguir à Páscoa, época em que cometemos sempre excessos alimentares, assim há mais um incentivo para recomeçarmos a semana com um bom detox:)
e a receita de hoje é mais levezinha e vem em forma de sumo, mas quem já conhece sabe que os sumos naturais e com vegetais são um verdadeiro elixir de juventude e uma das melhores fontes de energia e de renovação de células e do nosso sangue. é como ingerir pura vida.
estamos com a Joana Guardão Cavalheiro (e o seu filho Manel!:).  a Joana tem como ideal de vida o crudivegetarianismo e fomenta esse ideal através da sua página Vi o Lógico. não que a Joana siga esse regime a 100%, pois diz que na nossa sociedade e com o nosso clima isso é bastante difícil (no inverno o corpo precisa mesmo de alimentos quentes) mas sempre que pode e por norma, é de alimentos crus que se alimenta. e isso acontece desde que esteve uns anos a estudar e viver no Brasil, em 2007, e onde uma das professoras que lá conheceu foi a sua grande mentora. a partir daí a Joana tem-se dedicado a estudar todos estes temas, e vai tentando formar as pessoas à sua volta sobre o que é crudivegetarianismo, através de workshops e de participação em feiras. 
conheci a Joana na Feira Alternativa do Porto, em Fevereiro passado, onde também fiquei a conhecer a fantástica máquina de sumos da marca Versapers, máquina com a qual a Joana preparou o nosso delicioso sumo.
o Manel, é um dos principais fãs da mãe, e dos seus sumos: prova mais do que dada de que também as crianças podem e devem beber sumos de vegetais.
a sessão de fotos foi na cozinha em casa da Joana, onde têm lugar muitos dos seus workshops.

(pode ver os anteriores posts das Monday Vegetarian Recipes  aquiaquiaquiaquiaquiaquiaqui e aqui))

EN
it is not monday today, but there is a Monday Vegetarian Recipes anyway – it comes with a day in retard, but always on time, to share healthy recipes or healthy ways of life. and perfect time after Easter, when we all eat more than we should. so it is a good kick off to start the week with a detox!
the recipe from today is a light one, as it is a juice. but who is fond of juices knows they are an elixir of youth and an excellent source of cells renewal – like pure life into our body.
today we meet Joana Guardão Cavalheiro (and her son Manel:). Joana has as ideal of life the raw food or living food, and she spreads that ideal at her page Vi o Lógico. Joana does not follow it 100%, because in our society it is quite difficult (specially in the winter, when our  body needs warm meals), but whenever possible she only has raw food. That happens since she spent some time in Brasil, in 2007, studying and living, and where she met a teacher that was raw food practiser. since then Joana studies this theme and tries to pass her knowledge to the others, through workshops or during fairs.
I met Joana last February, at Feira Alternativa do Porto, where I also knew the existence of a fantastic slow juicer  – Versapers – with which Joana made our fabulous juice.
Manel is the biggest fan of her mothers juices, and can be the proof that young children should also drink these kind of juices.
Pictures were taken at Joana’s kitchen, at her place, where most of her workshops take place.

(you can see previous Monday Vegetarian Recipes  aquiaquiaquiaquiaquiaquiaqui e aqui))






PT

Que tipo de alimentação segues?
– eu sou vegetariana, mas sempre que posso, pratico o crudivegetarianismo.
E isso há quanto tempo e porquê?
– desde 2007, quando estive a estudar no Brasil. Aí conheci uma professora que lecionava “A Convivência com o Bio Chip”, uma disciplina do curso de Design da Universidade Católica do Rio de Janeiro e que me despertou para este tipo de alimentação, a alimentação viva.
Quem ou o que te inspira para este teu estilo de vida?
– o Lógico, a evidente questão de não se produzir quase lixo com este tipo de alimentação. Esse é de facto o motor que me dá força para continuar a acreditar que é possível viver de forma mais sustentável com as escolhas que fazemos na nossa alimentação.
Depois há pessoas que me inspiram!:
A Ann Wigmore, que foi a pioneira do movimento living foods lifestle; a Ana Branco, que foi a minha professora no Rio de Janeiro e que, como já disse atrás, através da disciplina do BioChip me despertou para a alimentação viva; assim como a sua irmã que tem um projeto lindo chamado Terrapia; e algumas pessoas que nem conheço mas que alegram os meus dias e me dizem que não estou sozinha neste movimento um tanto solitário, já que comer é um fenómeno social: são elas a Laura Miller, uma criativa a quem eu amo as brincadeiras que faz com os alimentos; a Eleonore Zahn, do blog Earthsprout, que tem umas receitas maravilhosas e o manifesto verde que é genial; a FullyRawKristina, uma miúda inspirada pela fruta e que tem uma energia linda e brilhante!
Por último as minhas conterrâneas – a Filipa Cardoso, que tem um super ins-pirador-tagram com muito boas dicas e receitas – o Diospiro – e a Joana Alves, com o seu blog lindo Le Passe Vite!
podia continuar……:) mas acho que estas pessoas são assim as mais marcantes…
Onde costumas fazer as tuas compras?
– normalmente faço as minhas compras na feira biológica do Parque da Cidade ao sábado de manhã, mas muitas vezes as sextas-feiras acabam tarde…..e quando isso acontece vou ao Ideal Bio, um supermercado na rua de 5 de Outubro ou ao Mercatu, na Rua do Crasto, na Foz.
Para quem for mais preguiçoso, há sempre a possibilidade de receber confortavelmente em casa uma selecção de alimentos bio através do projeto Raízes ou do Horta à Porta – fui cliente dos dois e recomendo. Neste momento recebo do Bio Habitus, que entrega á terça-feira à porta da escola do manel um cabaz por 10 euros em sacos de juta.
Algum restaurante ou espaço vegetariano no Porto que conheças e que recomendes?
– hummm….a minha casa:) gosto muito de comer em casa, e de cozinhar, mas claro que volta e meia almoço ou janto fora. Não dispenso a cozinha da minha mãe, que é comida feita com amor e tem outro sabor!
Mas gosto do restaurante Da Terra, com o seu estilo buffet e preço justo.
Também gosto de explorar os restaurantes tradicionais e comer as coisas boas que se encontram por lá.
Descobri o Brick e o Vira Lata, não são vegetarianos, mas têm uns quitutes veggie mesmo apetitosos e são mesmo cosy!
EN
So you are a vegetarian?
– I am vegetarian, but when I can I eat raw food.
Since when and why?
– since 2007, when I was in Brasil at the University. There I met a teacher who taught me Bio Chip – and introduced me this kind of food – the living food.
Who or what inspires you in your daily life?
– what inspires me is the Logical – the fact that if we eat this kind of food we almost do not produce garbage.This is in what i believe and gives me strength to go on believing that it possible to live in a more sustainable way with the choices we make for eating.
Then, there are some people who inspire me:
Ann Wigmore, who was the first one in the movement living food lifestyle; Ana Branco, my teacher in Rio de Janeiro and who introduced me to the living food through Bio Chip; her sister, with her great project Terrapia; and some people I do not know personally but who cheer my day and make me feel I am not alone in this movement, which is somehow a lonely movement, because eating is a social act, and they are: Laura Miller, a super creative person doing great and cute things with food; Eleonore Zahn, from the blog Earthsprout, with delicious recipes and the genius green manifesto; FullyRawKristina, a girl inspired by fruit and with an incredible energy.
Then of course some other women from Porto and who I know, like Filipa Cardoso with her super – inspiring – instagram – Diospiro, and Joana Alves with beautiful blog Le Passe Vite.
I could go on….:) But these are the people who inspire me most.
Where do you normally buy your ingredients?
– normally at feira biológica do Parque da Cidade, on saturday mornings…but when I have late Fridays I go instead to Ideal Bio, a supermarket at Rua 5 de Outubro or Mercatu, at Rua do Crasto, at Foz.
For lazy people, there is the option to receive vegetables and fruits comfortably at home, by Projecto Raízes or Horta à Porta – I was their client and recommend both. Now I receive from Bio Habitus, who delivers on tuesdays at Manel’s school – 10 euros and in a jute bag.
Is there any vegetarian restaurant or place in Porto that you recommend?
– Hummm….my place.:)  I like eating home and to cook. but of course I sometimes eat out, I love my mom’s food, cooked with love!
But I like Restaurante DaTerra, with the buffett and a fair price.
I also like to go to other normal restaurants and try some food there.
I discovered Brick and Vira Lata, they are not vegetarian restaurants, but they have some veggie delicious options and are very cosy!
a receita / the recipe
sumo de vegetais e fruta/ fruit & vegetable juice

Ingredientes:
rebentos de girassol (os meus crescem em casa, dentro de casa)
1 beterraba
1 pepino
2 cenouras
2 maçãs
Modo de fazer: (usei a Versapers, mas pode ser feito numa liqüidificadora)
lavar, descascar (se não forem biológicos) e cortar aos bocados as frutas e legumes. triturar primeiro o pepino e a maçã porque têm mais água, e depois juntar tudo.
se necessário coar o sumo, normalmente as crianças gostam mais e bebem-nos melhor se forem coados. **
**
A Joana tem uns paninhos coadores próprios, para quem estiver interessada.
EN
Ingredients:
sunflower shoots (I have my own growing home, inside)
1 beet
1 cucumber
2 carrots
2 apples
Confection: (i did it with the slow juicer Versapers, but you can do it in another juice maker)
wash the vegetables and fruit and cut in small pieces. Let cucumber and apple liquid first, as they have more water, and then the rest.
if needed, have the juice through a colander, children drink it better. **
**
Joana has special things for that effect if you are interested.
Monday Vegetarian Recipes #9 by Viver o Porto
Joana Guardão Cavalheiro

facebook aqui.

By | 2017-05-20T00:58:52+00:00 April 7th, 2015|general, lifestyle & people, recipes, veggies and yoga|0 Comments

Leave A Comment